domingo, 4 de outubro de 2009

O VIGGO MORTENSEN E EU - A HISTÓRIA DA CINDERELA


Sempre acreditei em contos de fadas e hoje acredito ainda mais porque vivi um deles. Quando soube que o ator Viggo Mortensen viria ao Rio de Janeiro, fiquei imaginando como faria para chegar até ele. Queria entregar para ele dois poemas meus, que achava muito especiais - falarei desses poemas em outra oportunidade. Uma semana antes, estava eu no ônibus, sobre a Ponte Rio-Niterói, conversando com Deus. E eu disse para o Pai:
- Eu só tenho a vontade, você tem o poder. Se você quiser que esse encontro aconteça, se for da tua vontade, você vai ter que me abrir uma porta e colocar alguém no meu caminho. Naquela mesma noite, eu saí da casa do meu irmão e me deu uma vontade louca de ir para a porta do local onde o Viggo estaria na semana seguinte. De repente passa diante de mim uma jovem loirinha, apressada e compenetrada no que estava fazendo. De estalo fui atrás dela. A cumprimentei e no início da conversa ela pareceu um pouco assustada mas me tratou muito bem e ouviu o que eu tinha pra dizer e depois da minha explicação, se dispôs a me ajudar. Naquele momento, eu percebi que Deus havia posto alguém no meu caminho. Ela era a fada madrinha Joana Zein - a loirinha da foto acima, hoje cineasta premiada -, que no lugar da varinha de condão usava um celular. E como num passe de mágica, fez com que eu me transformasse numa dama, quer dizer, por celular, mandou que eu alugasse um belo vestido porque ela iria me colocar pra dentro. Me levou através do tapete vermelho - Deus não me abriu uma porta simplesmente. Ele me escancarou um tapete vermelho, do tipo, reclama-agora-que-eu-quero-ver! E com a ajuda da fada Joana, eu entrei no castelo, o Cine Odeon BR, em pleno baile, a premiére do filme UM HOMEM BOM - GOOD.

E lá estava eu, diante do príncipe encantado, ou o rei em pessoa, nada mais, nada menos, que Viggo Mortensen. Diante mesmo, cara a cara. Ele de branco e eu de preto, como Ying e Yang. Como eu mesma descrevi no meu poema NAQUELE OLHAR. Um ano e meio antes, eu havia sonhado com o Viggo pela primeira vez - contarei esse sonho posteriormente - e o nosso encontro no Fest Rio 2008, aconteceu exatamente como no meu sonho. Para surpresa minha e da minha fada madrinha, que não me abandonou em nenhum instante, quando eu me virei, em meio à multidão, quem estava na minha frente? Ele, o Viggo - com essa roupa da foto acima. Naquele momento, eu me esqueci das palavras decoradas em inglês ou espanhol e a única coisa da qual me lembrei foi a carta que estava na minha mão. Só consegui erguer o olhar e me deparar com aqueles lindos olhos verdes. A simpatia dele me deixou bastante à vontade e eu entreguei o envelope a ele e disse em português:
- Viggo, é pra você. - Ele pegou o  envelope da minha mão e colocou no bolso interno do paletó, no lado esquerdo, o lado do coração. Deu duas batidinhas com a mão direita para mostrar que estava bem guardado e depois sorriu. Eu, muito abusada que sou, ergui meu dedinho e falei:
- É pra ler, hein. - Como se fosse uma ordem. Ele ergueu o polegar em sinal de ok, sorriu mais uma vez e depois, a onda de gente o levou.
Se depois disso, a carruagem virou abóbora, eu não sei. Estava ocupada demais, em êxtase, me abraçando e pulando com Joana. Sorrimos muito, nós duas. Depois, saí correndo de sandália prata de salto alto e roupa de gala em plena Avenida Rio Branco, com a hora já passando da meia-noite, para pegar um táxi.
Na manhã seguinte, de volta à realidade, perguntei ao espelho se fora apenas um sonho. Corri até o quarto e lá estava o vestido pendurado. Aconteceu de verdade. Naquela noite eu fui Cinderela, mas não perdi o sapato porque tinha que devolver no dia seguinte.
No dia 08 desse mês esse mágico encontro fará um ano. O Viggo ainda não respondeu a minha carta, mas não se preocupem, eu já sonhei com ele de novo, dizendo que vai voltar.

Um comentário:

PATRICIA PERES disse...

garota de sorte, realizou meu sonho, acabei de me ver em vc sou completamente apaixonada pelo viggo , coleciono tudo o que encontro sobre ele, mais uma vez parabens amiga .ele é lindo né?